terça-feira, 14 de agosto de 2018

Concurso público para presidente da República

Me chame de sonhador, mas permitam compartilhar uma Utopia de minha mente: Concurso público para presidente da República e demais cargos eletivos, tanto no Poder Executivo, quanto no Legislativo.

Ta, eu sei que nenhum outro país no mundo utiliza modelo sequer conhecido, mas sem dúvidas algo assim nos traria presidentes, governadores, deputados e afins de ótima qualidade - sem dúvida, com uma média bem acima do que vemos hoje.

Seria interessante realizar uma prova com matérias relacionadas ao cargo que candidato almeja: direito constitucional, direito administrativo, economia, português, raciocínio lógico, politica externa etc. O nível de dificuldade também poeria variar de cargo para cargo, de modo que um candidato a vereador de uma cidade pequena não faria a mesma prova que um candidato a deputado estadual, por exemplo.

-"Mas Astronauta, e como fica a Democracia".

Ta bom, para agradar a gregos e troianos, por que não combinamos os dois modelos? Digo, ao invés de ser diretamente empossado após classificar nas primeira posições, o candidato recebe o direito de se candidatar ao cargo que almeja, participando de uma eleição via sufrágio universal.

Ora, se um presidente escolhe seus ministros de Estado por razões meramente politicas, como muito acontece, ele é critica e todos defendem que as escolhas deveriam ser exclusivamente técnicas. Se os Ministros precisam ser escolhas técnicas e não politicas, porque não o presidente? 

A democracia por si só, com todas as suas vantagens, é muitas vezes falhas. Pra começo de conversa, em um país com o sistema educacional tão falho como o nosso, no qual 1/3 da população é composta por analfabetos funcionais, a mera escolha do candidato mais popular dentro de um número restrito de opções costuma ser um desastre. Nenhum tudo que é popular é bom, leve em conta que, por exemplo, Despacito é uma música popular. Lembro que Adolf Hitler foi alçado ao poder por meios democráticos.

Eu te pergunto, se você é dono, digamos, de uma empresa que emprega 100 mil pessoas e precisa escolher um diretor para a mesma, como você escolheria o cargo? Escolheria um imbecil falastrão qualquer? Faria uma eleição da qual participaria um número restrito de pessoas? Ou faria um exame do qual escolheria aquele que se classificasse em terceiro lugar? A terceira opção parece mais atrativa, não é mesmo? Por que então você não quer o mesmo para o Brasil?

Eu quero gente preparada e de qualidade nos poderes executivo e legislativo, a nível municipal, estadual e federal. Chega de sermos comandados por idiotas analfabetos e incompetentes. 



Não me custa sonhar.

4 comentários:

  1. Em certas medidas, o que você propõe é o voto censitário, só que em vez de selecionar os eleitores, pretende aplicar o critério de nível educacional ao candidato.

    Eu não sei se isso vai funcionar, é uma utopia e, claro, sabemos que nunca se concretizará.

    Só uma correção: "Adolf Hitler foi alçado ao poder por meios democráticos".

    Isso não é verdade, Hitler não ganhou a eleição presidencial que disputou em 1932. Ele ficou em 2º lugar, quem venceu foi Paul von Hindenburg.

    Hitler foi nomeado Chanceler por Paul em seguida. Daí em diante Hitler se valeu de conchavos e de medidas autoritárias para se tornar o Fuher (inclusive prendendo 81 deputados).

    A esquerda marxista ama essa falácia de que a democracia coloca ditadores no poder e mentem com o exemplo de Hitler.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Putz, erro meu, um tanto embaraçoso pq é da minha área de formação (história), rs. Mas obrigado pela correção IC, sempre bom aprender. Vou editar o texto, grande abraço.

      Excluir
  2. Boa noite, vc tem algum contato como email para que eu possa falar com você? Sou concurseiro amador e tenho interesse em tirar algumas duvidas e pegar algumas dicas. Por favor e obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite, pois não, pode entrar em contato no seguinte e-mail: astronautadesempregado@gmail.com


      Grande abraço.

      Excluir

Nobres leitores, se eu demorar a responder, é porque provavelmente tô fazendo cosplay de eremita e estudando pra concursos.

Aquila non capit muscas